TM

TM 25K, a nossa personalidade mantém-se intacta. Um percurso curto e desafiante. Trilhos seculares, aldeias rurais, bosques mágicos e todo o encanto que a serra da Aboboreira tem para nos presentear.
Se procuras um trilho mais pequeno com caracter fugaz e equilibrado, encontraste-o!

0
quilómetros
0
horas limite
0
limite inscritos
percurso

1pontos

6pontos

230

O QUE

ver

e onde fotografar

    • A magia desconcertante d’A Ovelhinha.
    • Os trilhos panorâmicos do vale do Fornelo.
    • A singularidade rural da aldeia do Castelo.
    • O sossegado aconchego da singular aldeia de Travanca do Monte.
    • A necrópole megalítica da Aboboreira. 
    • As exuberantes cascatas do Ribeiro da Goiva. E muito mais!

horários partida

// sábado, 30 de Março de 2019// 10:00 (Ovelhinha, em Gondar)// tempo limite: 7h

limite inscrições

800 pessooas

características

// 25 km e 1400 m d+// Cota máxima: Alto do Excomungado, 897 m// Cota mínima: Pista do Formão, 58 m// 1 serras, 1 cordilheira// Grau de dificuldade: (1400/10) / 25 = 5,6 pts// Itra: 25+ (1400/100) = 39 pts

OS

percursos
OVELHINHA – TRAVANCA DO MONTE

Inicia-se o desafio com saída pelas ruelas da histórica povoação da Ovelhinha. Apesar da subida exigente até ao Castelo, a panorâmica do vale do Fornelo compensa todo o esforço despendido. Depois de uma parte mais plana, surge uma curta e dura subida até se percorrer a nostalgia de Carvalho de Rei e Guarda. Logo após, chega-se a Travanca do Monte.

  • 8 Km // 754 mD+ // 206 mD- Tempo 
  • Tempo máximo: 1H40
TRAVANCA do Monte – S.SIMÃO DE GOUVEIA

Travanca, o refúgio de Teixeira de Pascoaes, é ainda hoje enamorada por escritores e outros obreiros das artes. O seu encanto desperta-nos os sentidos para aquela que é a maior necrópole megalítica no norte de Portugal. O misticismo da serra da Aboboreira e os vestígios aqui encontrados são a perfeita harmonia para o encontro com os nossos antepassados, de há
milhares de anos. Este encontro termina logo que se chega à Aldeia Velha. O cenário já mais
bucólico é rapidamente invadido por uma sucessão exuberante de magníficas cascatas que percorrem o Ribeiro da Goiva. E chega-se ao parque de merendas de S. Simão de Gouveia.

  • 6,1 Km // 221 mD+ // 484 mD-
  • Tempo máximo: 1h50
S.SIMÃO DE GOUVEIA – AMARANTE

Ladeados pelas sucessivas cascatas do ribeiro da Goiva, desce-se até ao rio Ovelha. Toma-se uma pequena subida por uma levada abandonada. Em Salvador do Monte, depois de se atravessar a povoação, segue uma curta descida até ao Rio Tâmega. Percorre-se dois quilómetros junto ao rio por um percurso florestal e chega a Amarante.

  • 10,8 Km // 371 mD+ // 735 mD
  • Tempo máximo: 2h30

Dizem

por aí

Foi a 1 vez que fiz os 25km e ia com receio pelas críticas do ano passado. Mas superou as expectativas, muito bem marcado, bons abastecimentos, staff simpático e prestável e prova muito muito dura mas excelente,para o ano voltarei.

Ivete Alves

TM2018

TABELA DE

passagens

 LocaisKmDistância ParcialAbastecimentoAltitudeDesnivel ParcialSubidaDescidaDesnivel positico acumuladoDesnivel negativo acumuladoPrimeiro corredorÚltimo corredorBarreiras horáriasCoordenada GPS
 Ovelhinha00Partida1550000010:0010:1010:1041.249972-8.030981
 Travanca do Monte88Sólidos + líquidos70354875420675420610:4011:3011:4041.21636-8.00419
 S.Simão de Gouveia13.916.17Sólidos + líquidos440-26322148497569011:1813:0013:3041.217126-8.003975
 Amarante24.7110.80Fim76-3643717351346142512:1615:0116:0041.267025-8.080739